Mesatenista com deficiência, Natalia Partyka participa das Olimpíadas e Paraolimpíadas

TURISMO ADAPTADO

Nos Jogos Olímpicos, superação é algo que volta e meia aparece nas disputas. Quem esteve assistindo a primeira rodada do tênis de mesa no Complexo Excel, observou claramente o que esta palavra quer dizer.

A partida entre a polonesa Natalia Partyka e a dinamarquesa Mie Skov poderia ser mais um dos Jogos, mas não foi. Sem a mão e parte do braço direito, Natalia chamou a atenção dos espectadores. Principalmente pelo fato dela ter ganho o confronto por 4 a 3 (5/11, 11/3, 12/10, 8/11, 9/11, 11/7 e 11/9).

Medalha de ouro no individual e prata por equipes nas Paraolimpíadas de Atenas 2004, ela mostrou que pode competir de igual para igual com pessoas sem deficiência.

Foi eliminada da disputa individual do tênis de mesa, depois de perder para a holandesa Jie Li por 4 sets a 2 (parciais de 11/13, 6/11, 16/14, 11/7, 12/10 e 11/7), neste domingo, em…

Ver o post original 69 mais palavras

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s